16 julho 2017

É hora de dizer adeus?



Chega um momento, em que você cansa de ser incansável. Rebuscar o amor em algum lugar, parece um sonho que nunca irá se realizar. Caminhar com os ombros mais leves, é a incerteza da tranquilidade e confiar em alguém, é praticamente surreal. Nada que queremos é como teremos e cansei de ouvir falar do famoso "tempo". Estou exausta de tanto lutar e não encontrar o meu troféu, o meu momento.
Tem horas, que a garganta entala, que o corpo quer cama e que os dias, com o passar do tempo - que parece não ser o seu - são mais pesados, mais estranhos e misteriosos. Eu estou sem paciência e os outros também. Pelo menos comigo, eles não tem.

Não tenho super poderes para sempre estar sorrindo, não tenho braços longos para abraçar o mundo, aliás, o único mundo que é certo de viver, é o meu. Nele entra quem eu quero e quem é capaz de conseguir morar, sem me afrontar. Poucos conseguem viver sorrindo nele, enquanto eu preciso de comprimidos.

Tentei por um tempo, ser o espelho do outro. Tratá-lo da forma que ele me trata e ignorá-lo da mesma forma. Não consigo, não quero isso pra mim. Quero ser para o outro, da mesma forma que ele é pra mim. Mas sinto que sou pouco, para aqueles que eu quero muito. Não falo de atenção, falo de sentimento mesmo.

É hora de dizer adeus para as minhas vontades, elas estão incomodadas pela minha ansiedade e pela minha sede de vitória, de corpos abraçados e corações apaixonados. Está na hora, de acordar para o mundo e descer os degraus das nuvens dos sonhos devagar, sem pressa para não me machucar. É hora de estalar os dedos e ver que nem tudo é tão fácil (ou talvez, que não seja pra mim).

É hora de dizer adeus a tudo que me machuca, que me fere e que sem querer, me deixa sozinha no ar da escuridão. É hora de dizer adeus ao seu não, mesmo que seja por antecipação.

Joyce Xavier

08 julho 2017

A dor um dia passa. Tem que passar.

Eu sei o sofrimento que você sente, eu já senti. Parece que todo o seu passado foi uma mentira, que você viveu um mundo de ilusão, e que todos os seus sonhos, foram jogados na lata do lixo, como se não valessem de nada, Como se nada tivesse tido importância, como se você não prestasse mais.

Você pode não estar preparada para falar sobre o assunto, eu entendo e respeito o seu tempo. É difícil falar das coisas que nos machucam, e nos fazem relembrar momentos que nos trazem dores. Que nos deixam tristes e sensíveis. Mas não se envergonhe, na vida tudo tem seu tempo, um dia você conseguirá falar abertamente sobre isto sem mágoa. Eu sou a prova viva disso.

E quando o tempo passa, quando você começa a se recuperar de um tombo, tudo de mais surreal acontece. Parece que todos os problemas resolveram aparecer de uma vez só, e você fica paralisada, sem saber por onde ir, por onde começar e o que fazer.

Eu te entendo, eu me sinto assim às vezes.

Na vida existem fases boas e ruins, e pense pelo lado bom, que essa fase vai passar. Que mais uma vez você irá superar, que qualquer dificuldade, não fará que você perca as suas forças. Porque pra continuar, é preciso ter coragem. E isso, eu sei que você tem.

Hoje você pode estar triste, mas amanhã, você irá olhar pra trás e agradecer. Você vai até achar graça de algumas coisas, e também, querer tomar distância de outras.

É o percurso da vida. Não o quebre.

Joyce Xavier.